terça-feira, 10 de agosto de 2010

Ar quente

homens em balões
levam os sonhos alto no céu
lentamente flutuam
seu vôo livre de preocupações

quarta-feira, 31 de março de 2010

A Rosa


Todos nós procuramos ser

o que a rosa para nós é.

Que mesmo depois de colher,

e de arrancada do pé;

passa seus dias contente

mostrando com todo o carinho e amor

e com um esforço intermitente

o máximo de seu explendor.

Sobre o som


-Essa é uma melodia muito bonita_ Mencionou Jasper.
- É bonita. Mas é uma ilusão. O som que você ouve aqui é aquilo que você consegue compreender do todo. Ele não é bonito nem feio pois isso também é só uma forma de interpretação. Eu diria que não é nem ao menos um som! É mais como se fosse a tradução do seu ser para o sentimento que estamos presenciando aqui... É por isso que você não reconhece o intrumento que a toca.
Willian sorriu e fechou o livro de capa dourada. Seus olhos fitaram a expressão exasperada de Jasper e continuou:
-Mas sim, é muito bonita!

Sobre Ela

Ela achou que seria um desperdício viver a vida daquela forma.
Então...
Correu e abraçou o mundo em uma tentativa de abraçar o destino.

quarta-feira, 10 de março de 2010

Vaccuus


Um dia um homem se perdeu
em meio a uma multidão
transeuntes passando em direções errantes

Pois que se deu a andar
também em direções errantes
Havia se perdido, oras!
O que mais iria fazer?

Milhas, quilômetros
Talvez alguns anos-luz
não importa,
já estava mais longe que o longe

Em sua mente, perguntas ecoavam
"Até aonde andar
quando devo parar?"

Certas vezes caminhava acompanhado
outras, sozinho
Mas para ele a companhia era o vento
o sol, o caminho

As vezes pensava em casa
e tudo que deixou para tras
O que não sabia porém
É que esse tudo
A muito também começara a andar

E mesmo que voltasse,
desse meia volta
E retornasse ao inicio
Não encontraria ninguém
Pois esse início já era outro início

E então em dúvidas caminhava
"De onde vim?
Onde estou?
Para onde vou?"
Sentindo saudades do ontem
e admiração pelo amanhã

Contudo...
mesmo em todo esse embate de possibilidades
...ele caminhava!


*Um devaneio noturno; Não me preocupei com métricas ou rimas ou seja lá o que for haha! Qualquer coisa culpo o sono! =]

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Pequeno grande Haikai

Aleluias circundam as lâmpadas dos postes
Raios piscam entre as nuvens noturnas
E as gotas kamikazes vão cair...

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Equilíbrio


O equilíbrio estático
O movimento equilibrístico do equilibrista

E
Q
U
I
L
Í
B
R
I
O equilíbrio é equilibrado por si só
Não precisa de nada nem ninguém

E qui lí brio

O equilíbrio é solitário e completo
O equilíbrio está em tudo
O equilíbrio é unificado e completo

Que busque ter equilíbrio.
Que busque ser equilíbrio.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Chutando o Balde!

Olá povo mundial! Chegamos!
Este é um blog micro revolucionário! Se você não sabe como chegou aqui, seja bem vindo! Aqui é o seu lugar!
Aqui não há regra, compasso, simetria. Um espaço onde pretendemos escrever nossos pequenos devaneios, e com alguma sorte, entreter você, meu caro leitor!
Então venha, procrastine um pouco mais, esqueça aquele relatório urgente pra amanhã, porque se você não fez até agora, já não há mais o que fazer certo?
Então espero que gostem, logo povoaremos estas páginas com os mais belos afrescos de nossas imaginações!
Um abraço! Não, melhor, dois!
=]